Santuário gastronômico três estrelas

Este slideshow necessita de JavaScript.

O casarão de esquina pouco impressiona, tampouco Saulieu faz juz à fama de santuário da cozinha borgonhesa naquele domingo cinzento e deserto. Mas as letras estampadas na parede da casa dizem tudo – inclusive mudam essa primeira impressão. Relais & Châteaux Bernard Loiseau. Traduzindo: experiência de alto luxo.

De fora é impossível imaginar a sofisticação interior. Biblioteca, sala e ambientes aconchegantes com janelões para o jardim inglês, que também dá vista para o elevador panorâmico. Piscina aquecida entre árvores, spa e suítes com decoração rústica.

O hóspede adora tal conforto, mas escolhe ficar aqui por causa do restaurante, três estrelas no Guia Michelin. É ele que mantém a tradição de Saulieu. Antes chamado Côte d’Or, era parada na rota entre Paris e Lyon e teve seu auge nos anos 1930, com o chef Alexandre Dumaine. Bernard Loiseau tomou a frente nos anos 1980, quando conquistou o Michelin.

O chef, precursor da nouvelle cuisine, se matou em 2003, supostamente por causa da ameaça de perder uma estrela. Após a morte do marido, Dominique Loiseau assumiu os negócios, fez do Côte d’Or um Relais & Châteaux e, em 2007, abriu um restaurante em Beaune, o Loiseau des Vignes.

Enquanto o três-estrelas tem ambiente refinado, o Loiseau des Vignes é moderno. A adega fica numa parede vermelha, apelidada de Ferrari, e os vinhos são vendidos em taças. Mas pratos clássicos, como o oeuf en meurette (ovo ao molho tinto), estão no menu.

Já em Saulieu, foi o chef Patrick Bertron, que trabalhou 20 anos com Loiseau, quem assumiu a cozinha. Ele conta que agregou à herança de Loiseau a sensação. “Acho fundamental a comunhão com o produto”, diz. “Recomendo que todos comam rã e escargot com as mãos.” Para Bertron, mais importante que ter estrelas é garantir o bom momento dos clientes.

Bernard Loiseau: http://www.bernard-loiseau.com

Sobre Camila Anauate

De alma inquieta e mente aberta, que me fizeram jornalista, viajante, aventureira, sonhadora sem-fim
Nota | Esse post foi publicado em França e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s